Aparte
Valadares Filho admite “aproximação nacional” entre PSB e PT e vê Rogério como “muito competitivo”

Valadares Filho: “Entendo que o Rogério Carvalho é um candidato muito competitivo”

Não expressamente em Sergipe, mas no plano nacional, o PSB e o PT estão se flertando com objetivo de estabelecer alianças políticas para 2022 - e aí vão entrar as sucessões de governador e de presidente da República.

Esta garantia foi dada nesta segunda-feira, 5, pelo presidente da Executiva Estadual do PSB de Sergipe, ex-deputado federal Valadares Filho e uma das lideranças políticas do Estado.

“Com toda a sinceridade, não temos conversado no que diz respeito à sucessão de Sergipe, pelo menos por enquanto. Mas há, sim, uma aproximação nacional entre esses dois partidos. Assim como há entre outros partidos progressistas, visando a formação de uma frente democrática para enfrentar as eleições nacionais”, disse Valadares Filho à Coluna Aparte.

“Então há, sim, uma relação de conversa entre o PSB e o PT nacionalmente”, reforça ele. No que diz respeito às questões específicas de Sergipe, Valadares Filho pondera que ele e o seu partido vão ter que analisar muito as posturas a serem adotadas em 2022.

“A minha responsabilidade com a decisão que o PSB irá tomar para 2022 é muito grande - eu fui o candidato ao Governo do Estado em 2018 que chegou ao segundo turno e com quase 40% dos votos válidos. Isso nos exige uma análise muito intensa de critérios em torno de um projeto e de um programa administrativo com o qual o PSB se identifique com relação ao futuro do Estado. Acho, então, que a conversa em relação ao projeto que os candidatos vão colocar no que pensam para Sergipe pesará muito na nossa decisão de 2022”, reforça ele.

“Mas entendo que o Rogério Carvalho é um candidato muito competitivo. Ele tem feito um bom mandato como senador, tem inclusive atuado bem na CPI da Covid-19 e é um conhecedor das questões administrativas do Estado”, pontua.

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.