Aparte
Ricardo Marques pede ao Ministério Público testagem periódica de Covid-19 para professores

Ricardo Marques e Euza Missano: preocupação com a educação

O vereador por Aracaju, Ricardo Marques, Cidadania, protocolou um requerimento no Ministério Público de Sergipe solicitando a testagem periódica para a Covid-19 de todos os professores e funcionários da área da educação. A medida foi tomada pelo parlamentar porque as aulas presenciais serão retomadas na próxima segunda-feira, 18, na capital sergipana.

Com o retorno do ano letivo 2021 confirmado e o aumento diário no número de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, há uma preocupação de que a situação se agrave. “Conversando com a promotora Euza Missano, tive conhecimento de um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Federal de Sergipe que apontou que, nesta nova onda, o pico pode chegar em até 500 mil pessoas infectadas em Sergipe”, informou o vereador.

Durante a audiência, a promotora Euza Missano destacou que há também uma preocupação do Ministério Público. “Alguns hospitais já estão usando leitos de contingenciamento, que não são leitos dedicados para o tratamento de pacientes contaminados com a Covid-19. Esses leitos são colocados à disposição porque o paciente necessita do tratamento”, explicou.

“A gente vai fazer o termo de audiência e instaurar uma Notícia de Fato. A partir daí, vamos oficiar a federação das escolas e a prefeitura de Aracaju para que eles informem se esse dispositivo consta no protocolo. Dentro do que foi passado para o Ministério Público não constava a necessidade de testagem dos professores, assim como o período e responsabilidade pela testagem”, informou a promotora.

Ricardo Marques ressaltou que a testagem periódica é uma forma de deixar os pais dos alunos mais tranquilos. “Diversos pais sequer matricularam seus filhos na escola este ano com medo de contaminação. Por isso procurei o Ministério Público para saber como o órgão está acompanhando esse retorno. E a sugestão é testar os profissionais, a fim de tentar identificar as pessoas contaminadas e conter a disseminação do vírus. Estarei acompanhando e fiscalizando o cumprimento dos protocolos sanitários nas escolas da capital sergipana”, disse o vereador.

A audiência aconteceu de forma virtual com a promotora Euza Missano e o número do procedimento onde será incluída a solicitação do vereador é 10.21.01.0007 e poderá ser acompanhado pelo sistema Proej na página do Ministério Público.

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.