Aparte
Jozailto Lima

É jornalista há 38 anos, poeta e fundador do Portal JLPolítica. Colaboração Tanuza Oliveira.

Em mutirão dos 11 do Congresso, Fábio Mitidieri quer levantar R$ 100 milhões pra vacina
Compartilhar

Fábio Mitidieri quer recursos do orçamento dos sergipanos no Congresso comprando vacinas

O deputado federal Fábio Mitidieri, PSD, teve uma ideia sensata, justa e muito social na Câmara Federal nesta segunda-feira, 22: a de que os 11 representantes de Sergipe no Congresso Nacional - oito deputados e três senadores - se unam e cada um destine R$ 9 milhões de suas verbas carimbadas do Orçamento da União para a compra de vacinas contra a Covid-19 pelo Governo de Sergipe.

É isso ou o pior, pondera o deputado. “Acho importantíssimo neste momento que a bancada sergipana possa fazer a sua parte. Eu estou propondo isso de coração aberto e acho que nada, nada, é mais importante do que isso agora. É salvar vidas. Não tem rodovia, equipamento agrícola, não tem nada que a gente precise fazer que seja mais importante que comprar as vacinas nesta hora. É preciso fazermos isso juntos para garantir a vacina”, disse Mitidieri no começo da noite à Coluna Aparte.

“Nós estamos vivendo um momento como nunca antes, de crises sanitária e econômica, em que a única solução que eu enxergo é a vacinação em massa e hoje propus à bancada federal do Estado, com todos os oito deputados e os três senadores, a colocação de R$ 9 milhões de cada do orçamento da União para compra de vacinas para Sergipe”, reforça Fábio.

E diz mais: “O Governo de Sergipe precisa adquirir dois milhões de doses de vacina e o governador Belivaldo Chagas já declarou que isso custaria R$ 120 milhões, recursos que o Estado não dispõe hoje. Tanto é que o Estado está assumindo um compromisso de adquirir 400 mil doses, porque não tem como pagar mais do que isso”.

“Mesmo que se vacine toda a população agora, nós vamos precisar de doses de vacina ainda por muito tempo. Então, a minha ideia é a de que a bancada, mais uma vez, assim como fez com o Hospital do Câncer, quando utilizamos a emenda de bancada para construi-lo, possa fazer mais essa contribuição com a sociedade sergipana, destinando R$ 100 milhões em emendas. Isso daria cerca de R$ 9 milhões para cada parlamentar”, justificou Fábio Mitidieri.

“Esta foi a minha proposta. Então eu já pedi, coloquei isso para o grupo, que alterasse R$ 9 milhões das emendas para essa finalidade. O senador Alessandro Vieira concordou de imediato, aliou-se à nossa proposta e estou esperando que os outros nove parlamentares sergipanos também assim se manifestem”, disse.

“Independentemente de eles concordarem ou não, os meus R$ 9 milhões já estão destinados, assim como os do senador Alessandro. É uma proposta da minha iniciativa, mas que espero que possa ser no fim de toda a bancada, que todos abracem e não fique só em mim e no senador Alessandro Vieira. Não me incomodo que como iniciativa minha, ela se dilua e perca a minha matriz ou o pertencimento”, insiste.

“Pelo contrário. Acho que o fato de propor essa iniciativa é importante, mas muito mais importante são o apoio e a adesão de toda a bancada. Eu sozinho não vou arrumar R$ 100 milhões. Sergipe não precisa só da parte de Fábio Mitidieri - então a minha ideia é de que essa causa seja abraçada por todos da bancada e que a gente consiga levantar esse recurso tão importante para Sergipe”, afirma o deputado.

Para Fábio Mitidieri, há ainda condições técnicas de remanejamento dos recursos juntamente à Comissão Mista do Orçamento. “Tecnicamente, temos que alterar uma das emendas que nós já destinamos. Uma das rubricas, vamos dizer assim. A  bancada vai escolher qual delas e a gente teria que destinar todo mundo, no valor que puder, nessa nova rubrica e mandaríamos o ofício pro relator da Comissão Mista do Orçamento, para que mude a destinação”, orienta o parlamentar.

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.