Aparte
Governo Municipal incorpora a expressão Itabaiana Grande à nova logomarca 

Itabaiana Grande: um retorno ao passado que equivale a um passo no futuro

Sempre que uma nova gestão tem início, é comum que novas peças publicitárias surjam para ilustrar qual será o tom e o legado do novo governo. E assim está acontecendo com a administração municipal de Itabaiana.

Durante os oito anos do mandato do prefeito Valmir de Francisquinho – 2013 a 2020 -, todo o ritmo da gestão funcionou em torno do slogan “Itabaiana forte como seu povo”, resgatando as raízes mais características dos itabaianenses.

No mandato do novo prefeito Adailton Sousa, PL, o Governo de Itabaiana ganha uma nova marca e novo slogan: “Itabaiana Grande - mais forte, feliz e humana”.

O termo “Itabaiana Grande” reflete a grandiosidade do lugar em diferentes aspectos e remete à sua história. O termo grande, acostado ao nome de Itabaiana foi bastante utilizado por dezenas de estudiosos e historiadores em textos, livros, jornais e revistas em referência à grandeza tanto do território quanto das riquezas naturais e capitais de Itabaiana.

De acordo com o historiador Robério Santos, a cidade de Itabaiana recebia este codinome por causa da serra, uma vez que “Ita” significa pedra.

“Antigamente, muitos chamavam de Pedras Grandes ou Itabaiana Açu (açu quer dizer, em tupi, grande). O termo não era oficial, mas era dessa maneira que Itabaiana era conhecida por causa da grandiosidade da sai serra”, explica Robério.

Para o historiador, retomar essa característica é motivo de muita alegria e honra. “Utilizar esse termo representa muito a grandiosidade da nossa cidade. Tudo aqui é de fato grande: a feira, os caminhões, o comércio, as pessoas. Sem falar no bairrismo local. Definir uma Itabaiana como grande, sem dúvida nos enche de orgulho”, diz Robério. 

É essa Itabaiana Grande que a gestão do prefeito Adailton quer resgatar. “Todos os avanços já alcançados por Valmir serão agora ampliados e melhorados. Traremos ainda mais orgulho e mais amor a cada veia em que corre o sangue itabaianense”, relata Adailton.

Todo o plano de Governo da nova gestão foi pensado para trazer de volta essa característica, esse norte que acena pro grande: a construção de uma Itabaiana Grande como cada filho que honra e que vive a terra itabaianense – nela ou fora dela. Mas com o devido cuidado para não resvalar para a megalomania.

O novo slogan representa a continuidade do trabalho já realizado por Valmir de Francisquinho. “Foram oito anos de muito progresso e a meta é ir mais além, é ampliar todo o trabalho e, de fato, tornar Itabaiana ainda mais forte, mais feliz e mais humana. Valmir cuidou de tudo na cidade, mas o tempo não para e novas necessidades surgem, e é aí que nós entramos”, afirma Adailton Sousa. Ele foi o principal idealizador da mudança.

O novo brasão é formado por alguns símbolos que buscam no fundo do imaginário itabaianense as suas raízes e as suas principais características.

As cinco torres, chamadas de “coroa”, mostram que simboliza a categoria de cidade. A cruz ao centro é o símbolo maior do cristianismo, usada como lembrança do sacrifício feito por Jesus Cristo por toda a humanidade. Ela figura ao centro do brasão mostrando as raízes católicas/cristãs e guiando o povo do lugar pelo caminho da fé.

Os três picos verdes onde a cruz ganha sustentação são a representação do marco maior de imponência e grandeza: o Parque Nacional da Serra de Itabaiana.

A cor azul, que engloba todo o fundo do brasão, é comumente utilizada para designar produtividade e lealdade.

A nova marca foi produzida por dois designers itabaianenses: Tácio Brito e Jhonny Souza.

Escolhidos pelo próprio Adailton, os jovens talentosos e apaixonados pela cidade doaram a criação da marca para o município.

O manual da marca, com diferentes formatos, ficará disponível no site da prefeitura.

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.