Aparte
Pensar Sergipe e não tripudiar

“Temos consciência da nossa responsabilidade e da gravidade da situação. Agora, o Estado tem que dar sua contribuição\", disse o Senador

Para ele, trata-se de um momento de baixar um pouco a bola e não tentar agravar a situação, tripudiando sobre o adversário. “Temos consciência da nossa responsabilidade e da gravidade da situação. Agora, o Estado tem que dar sua contribuição. Eu não estou no Governo, mas acompanho e dou algumas sugestões, como a redução de Secretarias e de cargos em comissão, enxugando a máquina o máximo que puder”, salientou