Politica & Mulher
Vítimas do feminicídio: deputado Georgeo quer ajudar crianças órfãs

Georgeo: “Que o Estado estenda a mão a essas crianças”

O deputado estadual Georgeo Passos, Cidadania, apresentará uma Indicação voltada para o combate à violência contra a mulher. O anúncio foi feito durante sua fala no Grande Expediente da Sessão Plenária da Assembleia Legislativa de Sergipe – Alese –, nesta terça-feira, dia 12.

“Assistindo a uma reportagem no último final de semana, me chamou a atenção um caso de feminicídio e tem filhos na relação; o criminoso vai ser condenado e encaminhado ao presídio, deixando os filhos órfãos de mãe e de pai”, disse Georgeo.

Segundo ele, nessas situações, as vezes os avós ou outros familiares adotam as crianças e outras vezes são encaminhadas para abrigos. “Está sendo debatida em outros Estados da federação uma forma de auxílio a essas crianças até completar a maioridade”, ressaltou.

Por isso, Georgeo Passos está usando como parâmetro na Indicação a Lei nº 8.910/2021, de autoria do Poder Executivo, que institui o programa CMAIS – Sergipe Acolhe, para os órfãos de vítimas da Covid-19.

“Às crianças que perderam os pais vítimas da Covid-19, o governo dará um auxílio até completarem 18 anos, no caso das crianças em que as famílias não têm condições de sustentá-los. A proposta da nossa autoria é que também tenhamos algo semelhantes para os órfãos vítimas de feminicídio”, revelou.

“Não queremos ver mulheres sendo assassinadas e nem que os filhos fiquem sem as suas mães, mas em caso de acontecer, que o Estado estenda a mão a essas crianças”, explica o deputado, acrescentando que Sergipe registrou em menos de três meses cinco casos de feminicídio. 

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.