Aparte
Jozailto Lima

É jornalista há 38 anos, poeta e fundador do Portal JLPolítica. Colaboração Tanuza Oliveira.

Edvaldo Nogueira: “Vá em paz, meu amigo, Bruno Covas”
Compartilhar

Edvaldo Nogueira: “Bruno se destacava com futuro promissor”

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, PDT, e presidente na Frente Nacional de Prefeitos - FNP – foi um dos primeiros políticos sergipanos a lamentar a morte do prefeito de São Paulo, Brno Covas, 41 amos, seu vice-presidente da FNP.

“Bruno Covas foi um grande político, um prefeito bastante atuante, reconhecido pela população de São Paulo, que o reelegeu no ano passado”, disse Nogueira, em mensagem no Instagram.

“Um jovem talento da política brasileira que nos deixa tão prematuramente neste domingo, em decorrência do câncer”, reiterou o prefeito aracajuano.

“Recentemente, se tornou o meu primeiro vice-presidente na Frente Nacional de Prefeitos, cargo que aceitou ocupar mesmo já estando em tratamento médico, o que demonstrou sua garra e disposição para o trabalho e para a defesa dos municípios”, complementou. 

Segundo Edvaldo Nogueira, por uma determinação pessoal sua, a sede nacional da FNP, em Brasília, vai se chamar Bruno Covas. “Já determinei que o edifício da sede da FNP seja chamado de Bruno Covas”, disse o prefeito à Coluna Aparte neste domingo.

“O Bruno Covas vem de uma boa trajetória do avô Mário Covas, que nos foi um grande político, e pessoalmente, nesse mar tão árido de novas lideranças da política brasileira e pessoas do bem, ele se destacava com futuro promissor. A última vez em que nos falamos foi no ato da posse, no mês passado”, reforço Edvaldo.

Ainda no Instagram, o prefeito de Aracaju comentou o seguinte:

“Bruno lutou bravamente contra a doença e sempre fez questão de se manter próximo do trabalho e da sua missão de cuidar da maior cidade do Brasil. Toda a minha solidariedade aos familiares, em especial a seu filho Tomás, e amigos por esta perda tão grande. Vá em paz, meu amigo!”, escreveu.

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.